Volta aos trabalhos na Unb preocupa os servidores

0Shares
0 0

Com os números da pandemia em estabilidade no Distrito Federal, os servidores da UnB encaram com apreensão e insegurança as movimentações no sentido de intensificar o retorno ao trabalho presencial.

O Decanato de Gestão de Pessoas da UnB já formulou um protocolo de retorno ao trabalho e a biblioteca começou atendimento presencial e, no momento, só está atendendo docentes, com planos para ampliar, para estudantes de pós-graduação e posteriormente para graduação.

O Coordenador de Comunicação do SINTFUB, José Almiram, informa que posição do sindicato é para que qualquer setor que seja determinado o retorno, é necessário que sejam cumpridos todos os protocolos de segurança, inclusive com testagem dos trabalhadores. “A UnB terá que fornecer todos os instrumentos necessários a segurança dos trabalhadores” reitera Almiram.

Desde o início da pandemia do novo coronavírus no Brasil, o Distrito Federal registrou, de acordo com boletim divulgado pela Secretaria de Saúde 143.759 casos confirmados e 2.200 óbitos pelo novo coronavírus. Entretanto, segundo apuração, a capital entrou em período de estabilidade.

Apesar disso ainda há uma preocupação muito grande entre os servidores sobre a volta ao trabalho presencial neste período da pandemia pois como ainda não temos a vacina é válido lembrar que, para correr risco, basta estar respirando. Pelos dados que o Ministério da Saúde costumava divulgar, os casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave se distribuem nas faixas etárias de maneira muito próxima, com variações pequenas.

A UnB nomeou uma comissão para acompanhar o retorno e o SINTFUB irá cumprir o seu papel como representante dos servidores, fiscalizando e atuando junto a comissão.

Mário Júnior

0Shares
0