Sintfub e Adunb lançam Comitê em Defesa da UnB

0Shares
0 0

Uma reunião pública com a presença de professores e estudantes da UnB e de dirigentes do SINTFUB – Sindicato dos Trabalhadores da Fundação Universidade de Brasília e da ADUnB – Associação dos Docentes da UnB decidiu recriar o Comitê de Defesa da UnB.

A reunião realizada na terça-feira, dia 2, ao meio dia, no auditório do Sintfub, decidiu lançar uma nota à comunidade e convocar nova reunião para a próxima terça-feira, dia 9, no mesmo horário e local.

O Comitê terá por objetivo principal defender o ensino superior público, gratuito e de qualidade, não apenas propiciado pela UnB, mas por todas as universidades públicas brasileiras.

O Comitê reunirá os três segmentos da Universidade (técnicos administrativos, professores e estudantes) e estará aberto à participação de todos os segmentos sociais que defendem a universidade pública e a educação pública.

Para Edmilson Lima, um dos coordenadores do Sintfub, a UnB precisa ser defendida e preservada por prestar uma enorme contribuição aos 3,5 milhões de habitantes do DF e também para os 43 municípios da região do Entorno.

Já o professor Jacques Novion, primeiro vice-presidente da Adunb, lembrou que o Comitê de Defesa da UnB já existiu em outras épocas e que o seu relançamento vem no momento certo para defender a instituição de uma série de ataques desse governo nefasto para o país.

Francisco Rodrigues e Moacir Cortes (ambos da direção do Sintfub), Dimitrio (estudante de Sociologia) e Liane Novais (professora), entre outros, inclusive lideranças de Centros Acadêmicos, estiveram presentes à reunião e concordam com a necessidade de unificação da luta em defesa da UnB e com a elaboração de um plano de metas único, sob a coordenação do Comitê.

admin

0Shares
0