sintfub@unb.br (61) 3273.4055

Novo dia de luta pela educação será realizado em 30 de maio

0Shares
0 0

As entidades nacionais do setor da educação se reuniram na sexta-feira (17), na sede da FASUBRA, para fazer uma avaliação da paralisação realizada em todo o país, no último dia 15. As entidades destacaram que o movimento foi um sucesso e pretendem continuar com as ações conjuntas em defesa da educação e contra a reforma da Previdência. Estiveram presentes: FASUBRA, CNTE, ANDES, SINASEFE, UNE, FENET e UBES.

No encontro, foi debatido o novo ato que ocorrerá no dia 30 de maio, chamado pelo movimento estudantil, e a adesão de todos (as) à nova paralisação, levando ainda mais pessoas para as ruas. Na opinião da Direção da FASUBRA, a Greve Nacional da Educação foi o início da resistência e o momento é de manter a união e fortalecer ainda mais a mobilização. As ameaças do governo não intimidarão as entidades em luta, que vão reforçar as atividades e definir um calendário conjunto. A FASUBRA orienta as entidades de base a incorporarem aos atos do dia 30 de maio (quinta-feira).

Nesta semana será realizada uma agenda preparatória para o dia 30 de maio. A atividade busca mobilizar técnico-administrativos em educação, docentes e estudantes e delinear as manifestações. Todas as ações são uma preparação para a grande Greve Geral de toda a classe trabalhadora, marcada para o dia 14 de junho, contra a reforma da Previdência.

A FASUBRA Sindical orienta que as entidades de base participem ativamente do calendário de lutas, com atos unificados nos locais de trabalho, manifestações nas ruas, fechamento de vias, panfletagem, aulas públicas, entre outros.

Fonte: Fasubra Sindical

admin

0Shares
0