sintfub@unb.br (61) 3273.4055

ASSEMBLEIA GERAL ORDINÁRIA DO SINTFUB APROVA AS CONTAS DA ENTIDADE REFERENTES AO PERÍODO DE JANEIRO A SETEMBRO DE 2018

0Shares
0 0

Foi realizada em 06 de dezembro, no Auditório Antônio Rodrigues do Sintfub, a Assembleia Geral Ordinária que avaliou as contas da entidade no período jan-set/18, retomando uma prática fundamental para o controle da categoria sobre sua entidade de classe. Compuseram a mesa, os membros titulares do Conselho Fiscal, Glória Janda Parente Timbó, Mauro Mendes, Uruanan Jackson Henrique dos Santos e a servidora técnica-administrativa, Susana Xavier para discutir a pauta única referente à prestação de contas, em conformidade com os dispositivos estatutários.
A assembleia contou com a apresentação dos Relatórios do Conselho Fiscal referentes ao período em análise, em que foram apresentados gráficos e tabelas demonstrativas, evidenciando os passivos transportados do exercício de dois mil e dezessete para o exercício de dois mil e dezoito, na transição de gestão, e a necessidade de reequacionamento financeiro da entidade para honrar as despesas que foram encontradas em janeiro/2018. A apresentação destacou as participações de representantes da categoria nos eventos mais relevante ocorridos; com destaque a: Fórum Social Mundial, XXII CONFASUBRA; XXVII Seminário de Segurança, Seminário dos Hospitais Universitários; Seminário dos aposentados, entre outros, bem como se verificou que a entidade restabeleceu seu equilíbrio financeiro, bem como ao longo de 2018 foram criados vários instrumentos de controle interno visando a uma gestão racionalizada e transparência nos demonstrativos.
Ao final da apresentação, foi feita a leitura do relatório final com o parecer do Conselho
Fiscal favorável à aprovação das contas do período analisado, e sugerindo tratamento
idêntico pela assembleia. Após as intervenções do plenário, os sindicalizados então
deliberaram sobre as constas da entidade, tendo as mesmas sido aprovadas pela
assembleia, por setenta e quatro votos a favor, e somente sete votos contrários.
Sindicato é pra lutar!

admin

0Shares
0